Bem vindo...

...bem vindo a porta que te levará a viajar comigo; que te fará meu companheiro(a) em cada nova aventura... e história nas antigas; venha, vamos juntos conhecer o mundo... Andarilho.

Quem sou eu

Minha foto
Rolim de Moura, Rondônia, Brazil
...Motociclista aventureiro, apaixonado pela vida e pela liberdade... ...Antonio o Andarilho; é natural de Dourados –MS, tem 43 anos; autodidata em moto turismo; é otimista, prega e tem por objetivo: viver a vida intensamente com responsabilidade; preza pela direção defensiva e responsabilidade no trânsito, é disciplinado e adora desafios; membro das redes: Brazil Rider's, AME-BR e Irmandade Sem Fronteiras ; fundador e membro ativo do Moto Grupo Expedicionários da Amazônia; também membro da Iron Butt Association, Iron Butt # 45.581 do mundo; não é apegado a bens materiais; vive em Rolim de Moura –Rondônia -Brasil, com sua esposa e dois filhos menores; ex militar do Exército, atualmente comerciante; possui vasta experiência em viagens de curto, médio e longo alcance; e tem prazer em planejar, organizar e executar expedições, viagens e passeios; sempre muito bem acompanhado por sua fiel companheira "Sarita", sua Nx 350 Sahara 1999, a qual possui e viajam juntos a muitos anos; conhecedor da mecânica básica de motos; fala espanhol; e possui curso e estágio de 1ºs socorros e sobrevivência do Exército Brasileiro. Informações e contato; e-mail: andarilhoexpedicoes@gmail.com

terça-feira, 24 de dezembro de 2013

Boas Festas!!!

QUERO DESEJAR A TODOS OS AMIGOS E LEITORES AQUI DO BLOG; UM NATAL DE BOAS FESTAS; MAS PRINCIPALMENTE DE RENASCIMENTO, DE REFLEXÃO, DE RECOMEÇO... E QUE DEPOIS DE REFLETIRMOS SOBRE NOSSAS VIDAS E ATITUDES EM 2013, POSSAMOS COMEÇAR 2014 INSPIRADOS... DIA 1º, PEGUE UM PEDAÇO DE PAPEL, E NELE ESCREVA SEUS OBJETIVOS, SEUS SONHOS PARA 2014, E TENHO CERTEZA QUE DEUS TE CONCEDERÁ VIVÊ-LOS INTENSAMENTE... CONFIE EM VOCÊ, TENHA FÉ, LUTE... QUE NESSE ANO POSSAMOS CONTINUAR VIVENDO COM SAÚDE E PAZ, E QUE A FELICIDADE SEJA CONSTANTE EM NOSSOS DIAS DO ANO NOVO... QUE A UNIÃO ESTEJA PRESENTE EM NOSSAS FAMÍLIAS... E QUE NOSSAS ESPOSAS CONTINUEM NOS DEIXANDO VIAJAR DE MOTO POR ESSE MUNDÃO AFORA... KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK... FELIZ 2014!!!

terça-feira, 19 de novembro de 2013

Expedição Expresso Andino; 2ª parte: Cuzco-Rolim de Moura: 2.500 kms

...bem, ontem os dois aventureiros chegaram de Machu Picchu por volta das 19:00 hs, extasiados de tanta felicidade...

 Dia 10: hoje levantamos cedo, tomamos café no hotel e nos deslocamos para Puno, estrada linda; fizemos algumas compras em Abra La Raya e almoçamos em Ayaviri; cruzamos a grande e complicada Juliaca, com um trânsito pesadíssimo e barulhento e chegamos em Puno ainda por volta das 16:00 hs; hoje na saída de Juliaca a Sarita completou 100.000 kms, 1º 99.999 e logo depois de 100 metros ficou assim:00.000, zero km outra vez; Parabéns Sarita por me aguentar todo esse tempo e kms! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk; nos hospedamos próximo a praça das armas, e a noite saímos para desfrutar a culinária dessa maravilhosa cidade.

 Dia 11: Levantamos não muito cedo, tomamos café no hotel mesmo, e as 9:00 hs o micro-ônibus nos pegou no hotel para o tour nas Ilhas Flutuantes de Los Uros no Lago Titicaca; o passeio foi maravilhoso, os aventureiros gostaram muito do passeio; almoçamos no lago mesmo, na ilha que é a capital das ilhas; por volta do meio-dia e meia chegamos em Puno; nem voltamos pro hotel com a van, ficamos comprando presentes e lembranças para os familiares e amigos numa espécie de feira que tem próximo ao porto, depois pegamos um táxi e fomos para o hotel, onde fizemos alguns reparos nas motos como troca de óleo(Sarita) e remendo de pneu(Super Teneré); a noite comemos um bife de lhama regado a limonada e depois do quilo fomos dormir.

 Dia 12: Levantamos cedo, arrumamos as trochas, tomamos café próximo ao hotel e pegamos estrada, cruzamos novamente Juliaca, e 23 kms depois pegamos a direita rumo a Macusani; passamos pela Abra Oquepuño com seus 4.873 m.s.n.m.; nesse trecho encontramos o Paulo Navarro e seu amigo indo para um encontro de motos em Arequipa, batemos um papo e seguimos para Macusani, onde almoçamos; lá conheci duas moçinhas bem atenciosas na padaria onde almoçei, são elas a Miriam e a Vanessa; me prepararam um chocolate quente bem gostoso. Depois do almoço seguimos sempre descendo em direção a Mazuco, onde pernoitamos; essa estrada é muito bonita mesmo... alguns túneis pequenos, um desvio de terra por causa da construção de um túnel, de tamanho razoável... e a famosa passagem por dentro do rio, que em certas épocas do ano é impossível, só mesmo dentro das pás dos tratores do consórcio que está terminando a estrada, creio que no futuro farão uma ponte nesse local. Chegamos em Mazuco por volta das 17:00 hs, e mal descemos das motos começou serenar; ficamos no Hotel Búzios, indicado por nosso amigo Juan, obrigado hermano.

 Dia 13: Tomamos café na padaria Búzius do lado do hotel, creio ser do mesmo dono, abastecemos as meninas e aceleramos rumo a fronteira; passamos ainda cedo em Puerto Maldonado, chegamos na hora do almoço em Iñapari, fizemos os trâmites de saída e nos deslocamos para Assis Brasil, (sair da Estrada do Pacífico peruana e entrar na estrada Assis Brasil-Brasiléia, ninguém merece, um caos, buracos, grandes trechos sem asfalto... enfim é aqui a "estrada da morte") para comer um feijão e uma carne assada na Churrascaria do Beto, muito bom, recomendo; almoçados... passamos na PF para informar nosso regresso ao Brasil e seguimos para Brasiléia/Epitaciolândia/Cobija, deixamos as motos no hotel em Epitaciolândia, e de táxi fomos a Cobija comprar alguns presentes... eletroeletrônicos, perfumes, brinquedos, calçados, roupas... o preço sempre é menor que o do Brasil, alguns mais, outros menos, mas vale a pena. voltamos para o hotel já de noite, jantamos na Churrascaria do Armado, próximo ao hotel e depois fomos brigar com sacolas, caixas, cordinhas... tentando arrumar tantas coisas nas motos... só na hora de arrumar é que a gente lembra que esta de moto, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk; mas arrumamos tudo e fomos descansar. Não deu nem tempo de visitar meu amigo/irmão Remildo, familiares e amigos, mas logo passo aí de novo irmão, abraço.

 Dia 14: Deslocamento tranquilo até Porto Velho, onde chegamos na boca da noite, pois paramos ainda bem cedo da tarde em Jaci-Paraná para visitar alguns amigos e para que o Fábio e o Luciano trocassem o óleo de suas motos; dormimos em Porto Velho.

 Dia 15: Saímos cedo, café em Itapuã e chegamos aqui em Rolim de Moura por volta das 14:00 hs, pois por causa do feriado a BR 364 estava congestionada, filas de carretas e carros, as vezes sendo impossível ultrapassagem por vários quilômetros; mas chegamos bem; meus amigos e meus primeiros "clientes", chegaram super satisfeitos, me agradeceram e disseram que valeu muito a pena ter a minha companhia e experiência a disposição deles nessa viagem; estou muito feliz e satisfeito com o resultado dessa minha 1ª viagem ao Perú como guia... que venham outras. Quero aqui agradecer imensamente a Deus por ter nos carregado em seus braços, e a todos nossos familiares, irmãos, irmãs, amigos, que de uma forma ou de outra torceram pelo sucesso de mais essa empreitada, com suas orações e apoio moral; e eu Andarilho quero aqui agradecer imensamente ao Fábio e Luciano, extensivos aos seus familiares, pela confiança em mim para executar essa tarefa, que graças a Deus foi um sucesso; voltaram felizes demais, e isso é o que realmente importa. Até a próxima galera, obrigado a cada um que acessou o blog, que está lendo esta postagem aqui, ou que simplesmente admirou algumas fotos, gracias mis hermanos!





Luciano em Machu Picchu
 
 
Machu Picchu misterioso...
 
 
Fábio, o guia, e Luciano
 
 
no hotel em Cuzco
 
 
estrada Cuzco-Puno
 
 
 
 
 
 
 
 
feira livre em Abra La Raya
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Sarita fechando os 100.000 kms
 
 
zerinha de novo
 
 
Puno
 
 
 
 
 
 
Porto do Lago Titicaca-Puno
 
 
artista local defendendo alguns soles
 
 
casal de brasileiros de SP
 
 
Titicaca
 
 
Ilhas Flutuantes de Los Uros
 
 
 
 
barco feito de totora, planta local tipo um junco
 
 
 
 
 
 
 
 
cholas e suas boas vindas
 
 
deslocamento em barco de totora para a capital das ilhas
 
 
 
 
comendo a farofa que a mãe do Fábio fez com todo carinho
 
 
uniforme escolar de Puno
 
 
www.perumoto.com visite esse site
 
 
 Bruno da Perumoto de Lima nos emprestando seu remendo para pneu radial (tipo macarrão) que aqui no Perú só existe em Lima; gracias Hermano; ele tem uma agência de motopasseio em Lima.
 
 
bife de lhama coberto com molho de aji (pimenta)
 
 
 
 
rumo a Macusani
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
encontro com Paulo Navarro, pouco antes de Macusani
 
 
essa espécie de cacto horizontal é combustível, pega fogo mesmo
 
 
 
 
 
 
Miriam e Vanessa em Macusani
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
túnel ainda em construção
 
 
 
 
baixando a cordilheira
 
 
aqui não tem ponte
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
são inúmeras as cachoeiras nessa estrada
 
 
 
 
ponte próximo a ponte Iñabari, antes de Mazuco
 
 
café da manhã em Mazuco
 
 
Hotel Buzius em Mazuco
 
 
até breve Perú
 
 
 
 
bem vindos ao nosso amado Brasil
 
 
feijão e carne assada...
 
 
 
 
bem vindos ao Brasil
 
 
 
 
Epitaciolândia-AC
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
revendo amigos em Jaci-Paraná-RO